Candidato Vicentinho Alves conversou e respondeu perguntas de empresários de Araguaína


11 de Maio de 2018
Candidato Vicentinho Alves conversou e respondeu perguntas de empresários de Araguaína

Encontro promovido pela ACIARA abordou números do governo, enxugamento da máquina pública, cratera da Filadélfia e HGA

 Dentro das mobilizações em torno da eleição suplementar de 3 de junho, diretores da Associação Comercial e Industrial de Araguaína – ACIARA e empresários da cidade receberam o senador e candidato a governador do Tocantins, Vicentinho Alves, e sua comitiva para falar sobre os projetos de campanha, no último dia 11.

No auditório da associação, os participantes também tiveram a oportunidade de apresentar questionamentos pontuais por escrito ao candidato. Juliane Carneiro, diretora executiva da ACIARA, representante da presidente em exercício, Hélida Dantas, reforçou a importância do encontro.

“Queremos que cada candidato saiba dos anseios da classe empresarial e das reivindicações que temos há anos junto ao Executivo Estadual. Nossa intenção é que esses momentos sejam produtivos para ambas as partes”, afirmou Juliane.

Perguntas

Após falar das principais propostas e apresentar números sobre o Governo do Tocantins, Vicentinho respondeu a algumas perguntas de representantes da entidade. Os diretores Manoel de Assis e Edvando Bessa abordaram o custeio da máquina pública, com foco na folha de pagamento dos servidores.

“Hoje, esse gasto chega a 54% de todo o orçamento e compromete os demais investimentos do Governo”, pontuou Manoel.

Vicentinho disse que é preciso ter um grande cuidado com o quadro de servidores, porque a redução não deve acontecer na ponta mais vulnerável, mas, sim, nos cargos de altos escalões.

“O Estado também não precisa gastar 22 de milhões de reais em consultoria, 50 milhões em viagens de avião e carros, ou 24 milhões em diárias. A meta é manter o equilíbrio fiscal sem cometer injustiças. Os números serão apresentados aos sindicatos e demais entidade representativas dos servidores públicos, e o enxugamento deve abranger todos os poderes constituídos”, reiterou o candidato.

O diretor Antônio Neiva solicitou um posicionamento sobre a erosão da Avenida Filadélfia (TO-222) e o andamento do Hospital Geral de Araguaína. O candidato assegurou que, se eleito, o buraco será tapado até o fim ano e que o HGA será um dos focos do projeto de governo.

Governo e iniciativa privada

“Os empresários têm uma importância significativa na sociedade. Contribuem com a arrecadação de impostos, geração de emprego e renda. E aqui, especificamente em Araguaína, tenho um relacionamento muito forte com os empresários. Vir aqui e expor o que penso como candidato é bastante oportuno. É um diálogo franco, aberto, cristalino e saio daqui feliz com a receptividade”, destacou Vicentinho.

Representante do município, o vice-prefeito de Araguaína, Fraudneis Fiomare, reforçou que a chapa de governo de Vicentinho tem fortes laços com a cidade. O senador Vicentinho tem uma ligação muito forte com a cidade, muitas obras daqui têm a mão dele direta ou indiretamente, ajudando a conseguir recursos em Brasília. E o candidato a vice-governador é de Araguaína, por isso tenho certeza que nossa cidade precisa muito deste vínculo”.